ATIRE A PRIMEIRA PEDRA quem nunca errou?

Por: admin -

ATIRE A PRIMEIRA PEDRA quem nunca errou?

Assumimos os nossos erros e falhas. Quando os erros e falhas são nossos.

A Mancha Alvi Verde NÃO compactua com as “pedradas” de ontem.

E também não aceitamos esse pré-julgamento feito pela mídia e sociedade de acusar sem provas e sempre envolver o nome da nossa entidade.

Já fizemos, sim:

  • Dossiê contra o Mattos;
  • Protesto Coletiva de Torcida;
  • Treino aberto na final do Paulista do ano passado, o qual tivemos uma ENORME participação para a liberação;
  • Protesto pamonha e pipoca;
  • Cobrança contra Eduardo Batista;
  • Cobranças e protestos contra a diretoria atual através de notas oficiais e conversas pessoais. Todas sempre divulgadas;
  • Cobrança contra o aumento do Avanti e preço dos ingressos;
  • Conquista do ingresso a preços populares. São poucos ainda, mas é uma vitória NOSSA;
  • Aumento da idade na gratuidade para as crianças, outra reivindicação que é conquista NOSSA;
  • Inúmeras festas na arquibancada com mosaicos, bateria, faixas, bexigas, balões e etc;
  • Incentivo ao time cantando os 90 minutos músicas novas. Transformamos o Gol Norte em estádio com torcedor e não em arena moderna com telespectador.

Aproveitando o ensejo e tocando em outro assunto, esse sim que nos envolve, o que vem acontecendo com o time em 2019?

  • Não tivemos uma partida esse ano que lembrasse a vontade, organização técnica e compromisso do Brasileirão 2018;
  • Nítido que não tivemos padrão técnico nos jogos do Paulista e Libertadores. Essa “pedrada” é do Felipão, que voltou a ser rabugento, teimoso e prepotente. Nas suas coletivas não assume que o time foi mal e ainda elogia em derrotas vergonhosas em clássicos dentro de casa;
  • Outra “pedrada” que tem dono é da nossa diretoria e Alexandre Mattos. Novamente contratações caras, duvidosas e sem necessidade para as posições que vieram. Foi refém de dois jogadores dando aumento de salário fora da realidade nacional;
  • A impressão que temos é que perdeu-se o vestiário. Quem ganha “somente” R$300 mil não se entrega e não se envolve de fato e quem ganha R$1 milhão não joga para merecer tanto.

Começamos o ano totalmente errados e, se a diretoria, comissão técnica e jogadores não mudarem a postura, quem vai sentir as “pedradas” das derrotas e eliminações vexatórias esse ano será a torcida.

Que esse elenco pipoqueiro, que coleciona inúmeras eliminações nos últimos anos no nosso estádio, comece a jogar bola e respeite a nossa camisa.

Continuaremos apoiando e incentivando a S. E. Palmeiras.

Diretoria Mancha Alvi Verde

Veja também...